Qual é o objetivo da contabilidade pública?

Gostou? Compartilhe esse conteúdo!

É necessário compreender o objetivo da contabilidade pública, principalmente, nos principais segmentos de gestão pública e das instituições envolvidas. Entre os anos de 2010 e 2020, as normas da gestão pública aplicável aos municípios, por exemplo, passaram por revisão e por adoção de novos procedimentos.

Neste artigo falaremos mais sobre os principais focos desse tipo de contabilidade e como reconhecer os seus principais conceitos práticos.

Objetivo da contabilidade pública

O principal objetivo da contabilidade pública é calcular, analisar e gerar informações orçamentárias, econômicas e financeiras para a melhor eficiência da gestão do Estado. Também está vinculada ao controle patrimonial de órgãos e entidades do setor público.

Dentre os objetivos iniciais, esse tipo de contabilidade procura fornecer aos cidadãos e instituições dados relacionados aos resultados obtidos pela gestão, informações de orçamentos, níveis econômicos, status financeiros e condições físicas de diferentes tipos de patrimônios que pertencem ao Estado e que são de interesse público.

Considerando os objetivos, ainda serve de base para o processo de tomada de decisão, ajudando ainda nos procedimentos de prestação de contas.

Na prática, essa modalidade de contabilidade também reflete de modo sistemático todos os ciclos da administração pública, visando evidenciar todas as informações de forma transparente e que auxilie os órgãos competentes para a tomada de decisão.

Onde aplicar?

Esse tipo de contabilidade é um ramo do conhecimento contábil que se aplica no processo de geração e análise de informações. A sua aplicação ocorre sobre o controle patrimonial de entidades do setor público e demais interesses da sociedade.

É aplicada no Estado, incluindo nas ações de governos, órgãos públicos, instituições de interesse público, empresas públicas e controle de verbas e patrimônios.

A sua aplicação visa ajudar as partes interessadas a conceder suporte para o controle social, prestação de contas e apoio para a tomada de decisão. Dentre as suas principais funções, gera instrumentos para a própria gestão pública.

As aplicações a favor da sociedade

Ao avaliar os principais objetivos desse tipo de modalidade contábil, podemos destacar o de oferecer melhores informações relevantes para subsidiar as responsabilidades relacionadas à prestação de contas.

Ajuda a gerar respostas aos credores, governos, empresas bancárias, órgãos de controle e outras partes interessadas.

A lei nº 4.320/64 é considerada como marco histórico legislativo da atividade contábil pública, essa lei ajudou a estabelecer os regimentos importantes para as finanças públicas brasileiras.

No setor de governos, a legislação tem amadurecido para elevar o controle orçamentário. Atualmente, a contabilidade governamental está em processo de convergência às das normas internacionais.

Conclusão

Portanto, o objetivo da contabilidade pública dos órgãos existentes no setor público não é o de gerar lucro ou retorno financeiro como ocorre com as empresas privadas, mas o de prestar serviços à sociedade.

E essa prestação de serviços também envolve a prestação de contas, incluindo a geração e validação de demonstrativos, relatórios e contratos que confirmem cada tipo de dado contábil.

Atualmente, a gestão pública e o controle do patrimônio público procura manter a transparência em relação a contas e licitações, sendo a atividade contábil uma aliada para esta finalidade.

Deixe seu comentário:

Gostou? Compartilhe esse conteúdo!